DEPUTADA PRESTA HOMENAGEM A GETULIO VARGAS

No período do Grande Expediente da sessão desta terça-feira (19), a deputada Juliana Brizola (PDT) prestou homenagem a Getúlio Vargas, nascido em 19 de abril de 1882, em São Borja. A parlamentar caracterizou o homenageado como o “legítimo autor da cidadania brasileira”. “Getúlio foi o responsável pelo Brasil que hoje tanto nos orgulhamos. Ele pacificou o Rio Grande do Sul e partiu para construir o país como verdadeira nação”. E acrescentou: “foi governando para o povo que se tornou um dos mais populares e amados governantes de todos os tempos”. A oradora do Grande Expediente resgatou aspectos históricos da trajetória política de Vargas, um dos maiores ícones da política nacional. Lembrou sua importante participação à frente da Revolução de 1930, época em que o político buscava desconstruir a imagem do país arcaico e atrasado, corroído pelos coronelismos. “Seguro do nacionalismo que preconizava, Getúlio formatou o novo Brasil para todos”, salientou a deputada. Juliana Brizola citou uma longa lista de conquistas ocorridas no período do governo de Vargas. De acordo com a parlamentar, ele lançou as bases para o fortalecimento e a modernização da economia nacional a partir da criação da Companhia Siderúrgica Nacional, da Vale do Rio Doce, da Petrobras e da Eletrobrás. A deputada elencou também vitórias no campo trabalhista: a criação do Ministério e da Justiça do Trabalho, a edição da legislação que assegurou aos trabalhadores direitos como jornada de oito horas, férias, salário mínimo e a instituição do sistema previdenciário. Conforme a deputada, as ações de Vargas contrariavam os interesses de forças reacionárias, o que lhe custou a vida. “As ditaduras sempre foram implacáveis com aqueles que ousavam desafiar as elites e defender o povo. Getúlio Vargas foi duramente perseguido até o seu suicídio e aqueles que seguiam seus ideais, embora legitimados pelo povo através da democracia e do voto popular, também sofreram hediondas perseguições”. Juliana associou a luta do homenageado às trajetórias do avô, Leonel Brizola, e de seu tio-avô, João Goulart, unidos pelo ideal trabalhista. Participações Associaram-se à homenagem, em apartes, os deputados João Fischer (PP), Adroaldo Loureiro (PDT), Jurandir Maciel (PTB), Daniel Bordignon (PT), Zilá Breitenbach (PSDB), Heitor Schuch (PSB), Raul Carrion (PCdoB) e Giovani Feltes (PMDB).

Publicação: 26/04/2011


SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os Termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Eu li e concordo com os termos de uso.